Novo logo do INN . . .

OLÁ !

ShareThis

domingo, 29 de dezembro de 2013

INN - O VENENO SEU DE CADA DIA, VC VAI ABSORVER O VENENO QUE O DIABO PREPAROU ? - Via Justiceira de Esquerda

Reproduzo abaixo uma série de questionamento que fiz ontem no facebook e que geraram uma grande polêmica entre o pessoal da esquerda. Muitos companheiros me chamaram de "radical", o que é uma puta elogio para quem sabe o que esse termo realmente significa... 
Puxa, na boa, não me levem a mal, mas... tem gente de esquerda assistindo e comentando um programa da TV Globo? DA GLOBO?? Tipo, estão dando IBOPE para a Globo e ainda falam mal?? Só podem ser sado-masoquistas...

Não estou afirmando que todo mundo que assiste à Globo é idiota ou alienado. O que estou questionando aqui é como é que uma pessoa de esquerda dá IBOPE (GRANA) para a Globo! Seria o mesmo que um judeu comprando Mein Kampf do Hitler ou um negro fazendo doações à Klu-Klux-Klan, não?

entendo que jornalistas, sociólogos e assessores de políticos tem inclusive o dever de acompanhar o PiG (de preferência sem pagar nada) para fazer a crítica. Até entendo que um esquerdista, movido por algum desejo masoquista, queira ver um Jornal Nacional só para "saber o que a direita pensa" (como se já não soubesse) ou para depois meter o pau. 

Agora, o cara ficar 24 horas sintonizado na Globo, vendo novela, devoice e sei lá mais o que, dando IBOPE (GRANA) para esse lixo, aí não dá. No seu caso, você é músico, então está querendo analisar o lixo mais a fundo, ok, faz parte. Agora, se falar que assiste todas as novelas, o Faustão e o Fantástico pelo mesmo motivo, aí vou achar que você tem "síndrome de Estocolmo"*....

Quando eu falo que muita gente de esquerda, especialmente os políticos, tem "síndrome de Estocolmo" ou são masoquistas, tem gente que acha ruim. Mas, puxa, eu não sintoniza na Globo há mais de 10 anos, não pego Veja, Folha e Estadão na mão a não ser para amassar e jogar no lixo. Acho que isso é o mínimo de coerência que pode se esperar de alguém que se diz de esquerda.

Até o cara assistir a um Jornal Nacional ou outro lixo "jornalístico" da Globo para fazer a crítica, eu entendo e até louvo quem tem estômago para isso. Agora, ficar sintonizado na rede Tortura para ver amenidades, novelas e afins, aí não dá não. A pessoa tá dando tiro no próprio pé.

Se você se diz "de esquerda" e sintoniza na rede Globo, saiba que está dando IBOPE para a emissora que apoiou a ditadura, as torturas e as mortes. E IBOPE se transforma em GRANA! Ou seja, você luta por um ideal por um lado, mas por outro está ajudando a sustentar uma organização midiática mafiosa que luta 24 horas por dia para destruir justamente tudo aquilo pelo qual você luta, não apenas no campo das idéias, mas também no campo físico (golpes, prisões, torturas, mortes, etc).

Enfim, se você acha que tudo bem e é feliz assim, depois não reclame.

COISAS QUE VOCÊ NUNCA VAI VER NA VIDA:
1) Um Judeu financiando a nova edição de "Minha Luta" do Adolf Hitler.
2) Um negro fazendo doações para a festa da Klu-Klux-Klan.
3) Um crente comprando o livro "Deus, Um Delírio".
4) Um petista dando IBOPE para a Rede Globo... não, pára, deu merda...

A única maneira segura de ter
contato com o que sai da Globo
Dizer que "consumir o que a Globo e o resto da mídia de direita produz não faz mal porque sou de esquerda" seria o mesmo que uma pessoa afirmar que comer Big Mac todo dia não tem problema porque ela é nutricionista. Uma coisa nada tem a ver com a outra. 

Depois que eu convivi no meio político e tive contato direto com diversos políticos petistas e comunistas, a gente observa NA PRÁTICA o que quanto a mídia burguesa faz sim a cabeça deles em MUITOS conteúdos. 

Claro que, no geral, essas pessoas se mantém à esquerda, mas não é raro darem um escorregada e repetirem tim-tim por tim-tim o que o PiG divulga como "verdade absoluta". 

Eu ouvi da boca de um político veterano do PT, que já foi eleito para vários cargos, que o mensalão existiu sim, tal qual é divulgado pelo PiG. Acho que foi um dos momentos mais deprimentes da minha vida, porque eu pensei: "se esse cara, que é petista de carteirinha, está acreditando numa farsa que nós, militantes da comunicação progressista, ficamos 24 horas tentando provar que não existiu, então a coisa está feia". 

CONTINUE LENDO
Leia mais e saiba mais sempre !
https://www.blogger.com/blogger.g?blogID=5981336097722835248#editor/target=post;postID=2007900373022535113

INN - CABIDÃO DO STF - STF tem 269 funcionários por gabinete. Mais do dobro do Senado

Sempre alvo de denuncismo no noticiário – muitas vezes merecido –, o Congresso Nacional foi constantemente criticado como se fosse o poder mais perdulário nos gastos públicos. Principalmente o Senado por ter apenas 81 senadores, enquanto a Câmara possui 513 deputados. Pois não é que o Supremo Tribunal Federal (STF) deixa o Senado no chinelo!
O STF tem 269 funcionários por ministro, enquanto no Senado a relação é de 105 funcionários por senador. Os números, obtidos nos portais da transparência, incluem concursados, comissionados e terceirizados.
Com apenas 11 ministros, o STF tem 1.086 funcionários efetivos (concursados), 576 comissionados (nomeados sem concurso) e cerca de 1.297 terceirizados. Todos os números chamam atenção pela excesso, mas em especial os 576 comissionados, em um órgão de natureza técnica, com os ministros tendo cargos vitalícios. Para que tantos cargos escolhidos a dedo, sem concurso? Vá lá que cada ministro leve dois ou três assessores de sua estrita confiança. Mais do que isso, deveriam utilizarem-se dos recursos humanos concursados à disposição.
Além do elevado número de funcionários, a Corte inflou o número de beneficiários do plano de saúde STF-Med, segundo reportagem de um jornal carioca publicada no domingo, dia 15 – e que não foi propagado pela grande imprensa. Informou ao Ministério do Planejamento, para efeito de repasse de verbas, haver entre 6,1 mil e 6,7 mil servidores e dependentes nos últimos três anos, quando o número real era 4,2 mil beneficiários. O erro onerou indevidamente o tesouro nacional em R$5,6 milhões por ano, acima do valor que deveria ser repassado.
Outra notícia envolvendo o STF que também não teve repercussão na imprensa, foi o fato de o ministro Joaquim Barbosa, presidente do Supremo Tribunal Federal (STF) e do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), determinar ao Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ/SP) que restabeleça a remuneração completa do desembargador Arthur Del Guércio Filho, afastado das funções desde 3 de abril por suspeita de corrupção e alvo de procedimento disciplinar.
Del Guércio está sob investigação da Polícia Federal, por ordem do Superior Tribunal de Justiça (STJ). A apuração mostra que era hábito do magistrado enviar torpedos por celular para advogados solicitando quantias em dinheiro, até R$35 mil na maioria das incursões. “Tudo a sugerir um verdadeiro padrão de comportamento desbordante da mais comezinha postura expectável de um magistrado”, recriminou o presidente do TJ, desembargador Ivan Sartori, quando foi aberto o procedimento disciplinar, há 8 meses. Para Joaquim Barbosa, “a irresignação [de Del Guércio] merece acolhida”.
Postado há por

INN - COM TRASTE ! - O pior brasileiro do ano _+_ MIRUNA SE REVOLTA COM TORTURA DE JB A GENOINO




No Contraponto 13.004

Do Diário do Centro do Mundo
Um péssimo exemplo para os brasileiros
.
X é um amigo querido meu. Mesma profissão, mesma geração, mesma redação durante anos.
X é, também, uma demonstração do efeito deletério de Joaquim Barbosa sobre a alma dos brasileiros.
X é, essencialmente, um bom cara: solidário, generoso, magnânimo. São as razões que me levaram a mantê-lo entre os amigos no correr dos longos dias.
Fui notar o veneno de JB em menções de X a Genoino. O desespero de Miruna, a delicada situação de saúde de Genoino: nada disso provocou o menor sentimento de piedade em X, e isso mesmo no Natal, um período em que tendemos a ser mais tolerantes e mais compassivos.
Genoino é, para X, um “mensaleiro” que “quer moleza”. Moleza é cumprir a prisão domiciliar em casa, na modesta residência do Butantã, em São Paulo, e não em Brasília, onde contraparentes lhe cederam um quarto.
Isto é a “moleza”.
Já escrevi sobre isso e repito: o mal maior de Joaquim Barbosa é o exemplo de inclemência – maldade, usemos logo a palavra certa – que ele passa a brasileiros como meu amigo X.
É um crime contra a nacionalidade.
Veja, no extremo oposto, o que o papa Francisco transmite: tolerância, generosidade, solidariedade.
Se a humanidade seguir Francisco, todos ganharemos. Se os brasileiros seguirem Barbosa, será uma tragédia.
Não gosto de simplificações, mas é como se um representasse as forças do bem e o outro as forças do mal.
X, como tantas outras pessoas, está seguindo JB ao se pronunciar com ausência completa de simpatia – com raiva, na verdade — sobre o “mensaleiro que quer moleza”.
E então chego a Miruna, a filha de Genoino, modesta professora em São Paulo.
Em mais um gesto de desespero, ela enviou uma mensagem a alguns jornalistas, entre os quais eu.
O título é autoexplicativo: “Revolta!”
Tomo a liberdade de reproduzir, por entender que é um caso de interesse público. Repare que ela não consegue citar o nome de Joaquim Barbosa.
Abaixo, a mensagem.
“Palavras textuais do presidente do STF sobre a situação do meu pai:
“Por fim, considerada a provisoriedade da prisão domiciliar na qual o condenado vem atualmente cumprindo sua pena, e a forte probabilidade do seu retorno ao regime semi-aberto ao fim do prazo solicitado pela Procuradoria-Geral da República, considero que a transferência ora requerida fere o interesse público.
Por todo o exposto, indefiro o pedido de cumprimento da pena em regime domiciliar em São Paulo.”
Eu sei que não posso falar tudo o que penso sobre o presidente da suprema corte de justiça de meu país. Mas, também, que adjetivo é possível usar para alguém que proíbe um condenado CARDÍACO de cumprir sua pena DOMICILIAR em seu DOMICÍLIO e ainda ameaça de que em fevereiro vai colocá-lo de volta na prisão?
O próprio laudo feito pelos médicos escolhidos a dedo por Barbosa fala: “Desta feita, o tratamento anti-hipertensivo de longo prazo deve incluir (… cita a dieta, exercícios e tal) A RESTRIÇÃO DA INFLUÊNCIA DE FATORES PSICOLÓGICOS ESTRESSANTES”. Que tal isso ser considerado a começar pelo presidente do Supremo? O que vocês acham que se pode dizer de alguém que já ameaça e anuncia, no dia 28 de dezembro, uma época realmente propícia para ameaças, que a pessoa vai voltar para a cadeia em dois meses????????????”
Os vários pontos de interrogação refletem a perplexidade de Miruna.
Se lesse isso, meu amigo X louvaria Joaquim Barbosa.
Pelo mal que JB faz à índole nacional, e pela influência sinistra que exerce sobre meu amigo X, ele é o Pior Brasileiro do Ano.

Paulo Nogueira. Jornalista é fundador e diretor editorial do site de notícias e análises Diário do Centro do Mundo.
 
CONTINUE LENDO
Leia mais e saiba mais sempre !

INN - MINISTRO RICARDO LEWANDOWSKI É ELEITO A PERSONALIDADE DA JUSTIÇA 2013

PELA CORAGEM DE ENFRENTAR A ARROGÂNCIA DE JOAQUIM BARBOSA, POR NÃO SE AMEDRONTAR DIANTE DOS ATAQUES DE FÚRIA DE BARBOSA, PELA FIRMEZA COM QUE DEFENDEU O RESPEITO AO AMPLO DIREITO DE DEFESA DOS RÉUS DA AÇÃO PENAL 470, POR NÃO TER SE DEIXADO PAUTAR PELA MÍDIA PARTIDARIZADA, POR CONFRONTAR E REBATER COM ALTIVEZ AS ACUSAÇÕES E OFENSAS QUE LHE FORAM DIRIGIDAS EM VÁRIAS SESSÕES DO SUPREMO. ENFIM, POR TER SE MOSTRADO UM DOS POUCOS QUE NÃO SE CURVA À PREPOTÊNCIA E ABSOLUTISMO DO ATUAL PRESIDENTE DO STF, RICARDO LEWANDOWSKI SE DESTACOU E DIFERENCIOU, NESSE MAR DE GENTE COVARDE E OMISSA, QUE ASSISTE SEM NADA DIZER, AO IMPÉRIO DO ARBÍTRIO E DAS DECISÕES REPLETAS DE ÓDIO E ILEGALIDADES QUE JOAQUIM BARBOSA ADOTOU E CONTINUA ADOTANDO NO SEU PERÍODO PRESIDENCIAL.
Todo Ano o 007BONDeblog escolhe, (Data Vênia) de forma MONOCRÁTICA, os destaques positivos e negativos do ANO.
Postado há por

segunda-feira, 23 de dezembro de 2013

INN - MORRE O INVENTOR DE UM DOS MAIORES SIMBOLOS DE MORTE DE NOSSOS TEMPOS

23/12/2013 14h31 - Atualizado em 23/12/2013 18h20

Mikhail Kalashnikov, inventor do rifle AK-47, morre aos 94 anos

Mikhail Kalashnikov estava internado em hospital de Izhevsk.
Ele sofria de problemas no coração.

Do G1, em São Paulo
CONTINUE LENDO

quinta-feira, 19 de dezembro de 2013

YL - Excelente artigo; deve ser lido obrigatoriamente! (OSCAR) - A sina da oposição: sobrevivência e terrorismo


A oposição não se dará por vencida, e poderá promover um terrorismo político, econômico, moral e midiático jamais visto na política brasileira.
Depois da incandescência das ruas em junho, análises apressadas pintavam um cenário de terra arrasada para a Dilma. Foi incrível a seletividade de determinados analistas, que alardeavam o pior dos mundos para a Presidenta, mas omitiam que a insatisfação era generalizada e difusa, e abarcava todo o sistema político, a política, os governos e os políticos.
Passado o rescaldo daqueles acontecimentos, sucessivas pesquisas de opinião indicam um ambiente de melhora do desempenho eleitoral de Dilma. Em todas as simulações - de todos os institutos de pesquisa -, a Presidenta ostenta considerável chance de reeleição, inclusive no primeiro turno.
A oposição, entretanto, segue colecionando dificuldades. Para ela, o cenário mais alentador é, curiosamente, aquele no qual figuram as “candidaturas-sombras” de Marina Silva e José Serra. Os até agora “candidatos titulares” Eduardo Campos e Aécio Neves peleiam com seus fantasmas para manterem suas candidaturas, podendo chegar em 2014 menores do que são hoje.
A potencial reeleição de Dilma, que culminaria um ciclo de 16 anos de governos dirigidos pelo PT, levará o reacionarismo capitaneado pelo PSDB, PPS e DEM ao ocaso. Com sua visão de um país arcaico, excludente e colonizado, aqueles partidos perdem a capacidade de interpretação e de aderência ao Brasil contemporâneo. A profecia deles, do “fim da raça”, finalmente terá se realizado; porém, com as setas invertidas – em desfavor deles mesmos.
Nesse contexto, a candidatura do Aécio é tão sólida quanto a chance de se converter em pó. O PSDB, pela primeira vez na trajetória do partido, enfrenta a perspectiva real de uma derrota acachapante no próximo ano. Para os tucanos [mas também para seus satélites PPS e DEM], a eleição de 2014 terá como prioridade a sobrevivência partidária e a preservação dos espaços de poder ameaçados de mudar de guarda.
Não se pode descartar, por isso, a hipótese da candidatura presidencial de José Serra em lugar da de Aécio. Alckmin e Aécio teriam, assim, a função de proteger a jóia da coroa do PSDB: os governos de SP e MG. Aliás, uma tarefa difícil, para quem terá de se explicar sobre escândalos escabrosos: cartel do metrô e o genuíno mensalão.
Adicionalmente, outros dois espectros rondam as eleições. O primeiro, de nome Joaquim Barbosa. Sua candidatura, se confirmada, materializaria eleitoralmente o bloco de poder conformado pela mídia conservadora e setores reacionários do Judiciário. É esse bloco que, na realidade, agenda e articula o combate ideológico ao PT e ao governo Dilma, substituindo os partidos da direita, que estão aos frangalhos e minguando sua audiência na sociedade.
Não existe espaço no Brasil contemporâneo para uma nova farsa do gênero “caçador de marajás”. A Rede Globo não conseguirá converter Joaquim Barbosa em um santo; aliás, um Ministro adepto de manobras fiscais para investir em Miami. O império da família Marinho não conseguirá construir essa nova mitificação da política brasileira, como fez com Fernando Collor em 1989 para derrotar Lula.
A opção Joaquim será calculada não pela aspiração de vitória com ele, mas como variável para levar a eleição para o segundo turno. O contexto proclive para a ocorrência de segundo turno é aquele que apresenta na cédula eleitoral os nomes de Dilma, Serra, Marina e Joaquim. O justiceiro, jacobino, vingativo, exemplar e inexpugnável Barbosa seria um veículo para se tentar barrar a reeleição direta de Dilma.
O outro espectro que ronda a próxima eleição de 2014 atende pelo nome de Lula.
Com considerável insistência é cogitada a candidatura dele em lugar da de Dilma; insinuação que se propaga na base de apoio do governo, nos meios empresariais, no sistema financeiro e junto a setores militantes. Os pretextos são uníssonos, tanto dentro como fora do PT: a heterodoxia econômica e o estilo da Presidenta.
Embora o próprio Lula rechace, essa insinuação paira no ar como uma bruma, fomentada na mídia pelas manjadas “fontes próximas ao ex-Presidente”.
É problemático esse procedimento, porque involuntariamente [ou deliberadamente?] expõe Dilma a tensões conservadoras [e inclusive regressivas] na definição do programa e no perfil do eventual segundo governo. Porém, ao mesmo tempo, não deixa de ser cômodo para o governo – e terrível para a oposição - saber que pode contar com um suplente eleitoralmente insuperável, caso a conjuntura econômica e política degringole.
Hoy por hoy - como se diz em castelhano -, a perspectiva é desalentadora para a oposição conservadora, que vive o dilema de tentar sobreviver enfrentando uma tendência de derrota e de definhamento de sua representação política. A realidade para a direita é tão mais dramática quanto mais evidente é a obsolescência programática e a incapacidade de oferecer uma visão generosa de futuro para um país que, não sem importantes limites e contradições, finalmente passou a ingressar na modernidade.
Devemos nos preparar para uma conjuntura complicada até as eleições de 2014. A oposição não se dará por vencida, e poderá promover um terrorismo político, econômico, moral e midiático jamais visto na política brasileira. Não se pode menosprezar a capacidade de sabotagem, de difusão de ódio e a vilania deles nessa luta derradeira de sobrevivência. Eles querem sequestrar o Brasil dos brasileiros.
Postado há por

sábado, 14 de dezembro de 2013

INN - AÍ INDIGNADOS REAÇAS IDIOTIZADOS, VÃO PRÁ RUA JÁ, PORQUE ESPERAR 2014 ? - Via Justiceira de Esquerda

Propinoduto tucano: Contratos do cartel com o governo paulista chegam a R$ 40 bilhões


Do Viomundo - publicado em 12 de dezembro de 2013

O que os tucanos têm que os outros não têm?
C:/Users/Thietre/AppData/Local/IM/Runtime/Message/{57E1C488-962B-4731-98CF-0B866913A6BB}/Forward\mpf-sp-edificio-rodrigo-de-grandis6.jpg



por Conceição Lemes


O site da bancada do PT na Assembleia Legislativa de São Paulo (Alesp) disponibilizou nessa semana uma apresentação sobre o propinoduto tucano, que vale a pena ser vista para se entender melhor as teias de relações envolvidas.


Em formato power point, ela é bastante didática. Sistematiza todas as informações disponíveis sobre o esquema de corrupção que fraudou licitações para aquisição e reformas de trens, construção e extensão de linhas metroferroviárias no Estado de São Paulo: cartel de empresas, entre as quais as multinacionais  Alstom e Siemens, altos funcionários do governo paulista, lobistas, “consultores”.

A estratégia da grande mídia tem sido a de apresentar os fatos de forma fragmentada, dificultando uma visão geral da denúncia.

Daí a elaboração desse material. O objetivo é organizar as informações para que os militantes entendam o que está acontecendo, e coloquem o tema no debate do dia a dia.
As investigações sobre o caso Alstom/Siemens, vale lembrar, tiveram início em 2004 na Suiça.


Em 2008, a bancada do PT na Assembleia Legislativa paulista começou a apurá-lo.

De lá para cá, entrou com mais de 15 representações nos ministérios públicos Estadual e Federal, denunciando direcionamento nas licitações do Metrô e da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM), prática de corrupção, formação de cartel, lavagem de dinheiro, pagamento de propinas a autoridades públicas e prorrogações ilegais de contratos.

A apresentação (na íntegra, abaixo) exibe, primeiro, um quadro geral do caso Alstom/Siemens:
* Diversas empresas privadas (algumas multinacionais) fornecedoras de material e serviços para o sistema de transporte metro-ferroviário de São Paulo são acusadas de formação de cartel (acordo prévio), reduzindo a concorrência e provocando a cobrança de preços mais altos nos contratos com o governo paulista.
Para conquistar esses contratos, as empresas do cartel pagariam propinas a altos funcionários do governo. Foram criados, então, vários canais (propinodutos), conectando empresas e autoridades do governo paulista.
*Nesta intermediação, surgem “lobistas”, “consultores fictícios” e suas respectivas empresas privadas, muitos deles com passagens no governo.
* Há indicações de que o cartel teria atuado no Estado de São Paulo nas administrações de Mário Covas, José Serra e Geraldo Alckmin (PSDB), portanto nos últimos 20 anos.
Durante esse período, diversas autoridades do governo paulista assinaram inúmeros contratos com as empresas do cartel. Inclusive prorrogaram indevidamente vários contratos questionados.
Um levantamento feito pela assessoria técnica da bancada do PT na Alesp mostra que, desde 1990, os contratos das empresas do cartel com o governo paulista somam 618. Em volume financeiro, eles chegam a R$ 40 bilhões, em valores atualizados.


Nos cálculos, foi incluído o governo Fleury (1990-1994), pois o seu vice era o hoje senador Aloysio Nunes (PSDB), que acumulava o cargo de secretário dos Transportes Metropolitanos. Ambos na época eram PMDB.Aloysio fez a transição entre os governos Fleury e Covas, daí vem a sua atual força política.  O nome  do senador tucano aparece nas denúncias feitas recentemente  ao  Ministério Público do Estado de São Paulo.


Os prejuízos do propinoduto tucano ao erário público são muito altos. Saíram de R$ 425 milhões denunciados pela revista IstoÉ e já ultrapassam R$ 2 bilhões. Só a reformas dos trens sucateados custaram R$ 1 bilhão. Somam-se aí R$ 300 milhões das compras de trens em 2013, e os R$ 400 milhões do superfaturamento do consórcio Cofesbra, denunciado pelo Viomundo.
Essas perdas, tudo indica, são apenas a ponta do iceberg do rombo tucano, uma vez que, de 1990 para cá, só os contratos do cartel com o Metrô e a CPTM atingem R$ 33 bilhões.


QUEM É QUEM NO PROPINODUTO TUCANO PAULISTA


Muito elucidativo na apresentação são os gráficos que mostram os principais personagens do propinoduto. É um quem é quem do esquema, incluindo figuras do governo paulista, cartel, “consultores” e lobistas. Para visualizar melhor os dois quadros abaixo, vá ao documento no final desta matéria. É a apresentação completa.




Alstom e Siemens – para subornar as autoridades paulistas e, assim, manter o cartel, a “compra” de licitações e prorrogar licitações de forma irregular — repassaram a agentes públicos porcentagem dos contratos assinados, via offshores e empresas fictícias de consultoria. Elas adotaram três esquemas de pagamento de propinas:


 


Interessante notar que há grupos. Cada cacique tucano teria os seus operadores no esquema.



CPI DO PROPINODUTO E AFASTAMENTO DOS ENVOLVIDOS 


No momento, a bancada do PT coleta assinaturas para apresentar pedido de CPI na Assembleia Legislativa para investigar o esquema do propinoduto.
Já pediu ao Ministério Público o afastamento dos agentes públicos envolvidos e a suspensão dos contratos.
Pediu também o afastamento de dirigentes da CPTM e do Metrô responsáveis por contratos denunciados pela Siemens e dos secretários apontados em denúncias: Edson Aparecido ( Casa Civil), José Aníbal (Energia), Jurandir Fernandes (Transportes Metropolitanos) e Rodrigo Garcia (desenvolvimento Econômico).
Fez ainda ao MP uma representação por ato de improbidade por omissão contra Geraldo Alckmin e o ex-governador José Serra.
A apresentação contém muito mais dados. Recomendo a leitura  da apresentação na íntegra.





PS do Viomundo: Só podemos pedir a vocês que espalhem!


Trensaleiros tucanos estão nas mãos trêmulas e despreparadas de Rosa Weber

Alguém duvida que ela é capaz de dizer que apesar das provas abundantes, a literatura jurídica a autoriza a inocentá-los?

Justiça brasileira não prende políticos do PSDB e crimes já começam a prescrever.

Para seis suspeitos, crime prescreve em abril de 2014

DE SÃO PAULO

No inquérito da Alstom há risco de prescrição do principal crime investigado, o de corrupção. 
Segundo autoridades e advogados que atuaram na investigação, a prescrição para seis suspeitos ocorrerá em abril de 2014 caso o Ministério Público não ofereça denúncia à Justiça.
Poderão ficar livres de ação criminal o vereador e ex-secretário estadual de Energia Andrea Matarazzo (PSDB) e o ex-presidente da estatal paulista EPTE Eduardo José Bernini. 
Em relação a outros sete investigados, o delito de corrupção já prescreveu. Entre os que já podem pedir à Justiça o reconhecimento da prescrição estão o ex-diretor da CPTM João Roberto Zaniboni e os consultores Arthur Teixeira e Jorge Fagali Neto. 
Como eles já têm mais de 70 anos de idade, o prazo prescricional é contado pela metade, segundo a lei. 
O marco inicial da prescrição é 14 de abril de 1998, data do contrato de venda de equipamentos do grupo francês para estatal paulista EPTE, no valor de R$ 214 milhões, em valores atualizados. Segundo a PF, a Alstom pagou propina para obter esse contrato. 
Alguns suspeitos também poderão ser denunciados por lavagem de dinheiro e evasão de divisas. 
Para definir a prescrição desses crimes, é preciso indicar quando o dinheiro ilícito deixou de circular, e isso ainda não está definido na investigação. 
Os suspeitos negam a prática dos crimes.
http://4.bp.blogspot.com/-jAQeHh-k8Cw/UJj3uOp5SjI/AAAAAAAAY34/T1OK7xeJhXg/s239/Mensal%25C3%25B5es.jpg


THIETRE MIGUE
Postado há por

INN - Tatuí e Região - Balanço Semanal de atividades da Administração

Prefeitura de Tatuí - No Ritmo do Futuro
 
Fundo Social, Óticas Carol e Lions Club distribuem óculos
sexta, 13 de dezembro de 2013 às 16:39

Fundo Social, Óticas Carol e Lions Club distribuem óculos

Integrantes do Projeto Melhor Idade foram os beneficiados
Itaú Cultural doa acervo literário para Escola ?Teresinha Vieira de Camargo Barros?
quinta, 12 de dezembro de 2013 às 15:51

Itaú Cultural doa acervo literário para Escola “Teresinha Vieira de Camargo Barros”

100 novos títulos estão disponíveis para 580 alunos do Jardim Manoel de Abreu
Tatuí ganha sinal de internet gratuita em espaços públicos
quinta, 12 de dezembro de 2013 às 15:39

Tatuí ganha sinal de internet gratuita em espaços públicos

Praças da Matriz, da Santa, da Alimentação e Paço Municipal já contam com o serviço
Professores da Educação Infantil recebem tablets de última geração
sexta, 13 de dezembro de 2013 às 16:35

Professores da Educação Infantil recebem tablets de última geração

223 equipamentos da marca Samsung Galaxy foram distribuidos
Rede Ibis-Accor confirma instalação de hotel em Tatuí
quarta, 11 de dezembro de 2013 às 12:37

Rede Ibis-Accor confirma instalação de hotel em Tatuí

Construção será iniciada no primeiro semestre de 2014 – Investimento passa de R$ 23 milhões
Posto de Atendimento Sebrae tem novo endereço em Tatuí
quarta, 11 de dezembro de 2013 às 15:14

Posto de Atendimento Sebrae tem novo endereço em Tatuí

Espaço funcionará integrado à Secretaria da Indústria, Desenvolvimento Econômico e Social
Bispo Nilto José Alves vence eleição para presidência do Conselho de Pastores de Tatuí
terça, 10 de dezembro de 2013 às 15:02

Bispo Nilto José Alves vence eleição para presidência do Conselho de Pastores de Tatuí

Relacionamento com a Prefeitura será aprofundado e terá ações compartilhadas
Secretaria da Educação divulga balanço de 2013
segunda, 09 de dezembro de 2013 às 14:36

Secretaria da Educação divulga balanço de 2013

Vídeo foi exibido durante o ciclo de formaturas da rede municipal
 Integrantes do Projeto Melhor Idade recebem óculos gratuitamente
terça, 10 de dezembro de 2013 às 11:52

Integrantes do Projeto Melhor Idade recebem óculos gratuitamente

Doação é fruto de parceria entre as Óticas Carol, Lions Club e Fundo Social
Manu assina convênio para construção da ?Creche do Idoso?
terça, 10 de dezembro de 2013 às 16:48

Manu assina convênio para construção da “Creche do Idoso”

Evento foi realizado no Clube da Terceira Idade com a presença do secretário Rogério Hamam
 Inocoop ganhará área de lazer em 2014
segunda, 09 de dezembro de 2013 às 11:45

Inocoop ganhará área de lazer em 2014

Moradores reuniram-se com Manu e vereador André Norbal para definir cronograma
Prefeitura de Tatu? - No Ritmo do Futuro
0800 770 0665
(15) 3259-8444
Avenida Cônego João Clímaco, 140 - Centro - 18270-900 - Tatuí/SP
 

terça-feira, 10 de dezembro de 2013

YL - Da Justiceira de Esquerda - 8 grandes escândalos da corrupção brasileira que a justiça ignora

Tudo parece ser uma questão de indignação seletiva.
Compilamos oito grandes escândalos da corrupção nacional que a justiça parece ignorar.
E não é por questão de pouco tamanho: só a privatização tucana durante o governo de FHC apresenta um desvio de 124 bilhões de reais, segundo o delegado da PF Protógenes Queirós.
Além da privatização, durante seu mandato houve denúncias de caixa dois nas suas camapnhas com doações arrecadadas que não foram apresentadas no relatório de gastos – e o esquema de compra de apoios de deputados por emenda para sua reeleição.
As famosas fraudes dos fundos Sudam e Sudene, varridas para de baixo do tapete com a decisão de FHC de extinguir os órgãos, também contam com um rombo de mais de 3 bilhões de reais.
Fora os tão esperados julgamentos das denúncias do Mensalão Mineiro, esquema operado por Marcos Valério que teve desvio de 296 milhões e o trensalão, que apresenta propinas e cartel nas obras do metrô nos governos Covas, Serra e Alckmin com o rombo de 570 milhões.
Nenhum dos oito casos foram julgados até o momento. Vamos começar a investigar a fundo isso, Joaquim Barbosa??
Clique na imagem para ver maior:
8 escandalos
Postado há por

HOJE É DIA DE QUE ?

Leia mais: Hoje é dia de que? • A arte da vida. Apon HP http://www.aponarte.com.br/p/hoje-e-dia-de-que-e-amanha_09.html#ixzz1wksZSqx1 Under Creative Commons License: Attribution Non-Commercial No Derivatives

Arquivo do blog

GENTENEWS G 1

INN . . .DESEJA A TODOS . . .